News

Dalprá e a Rota das Bandeiras entregam duas novas passarelas na rodovia D. Pedro I (SP-065)

A Construtora Dalprá, em parceria com a Rota das Bandeiras, entregou duas novas passarelas nos km 141+750 e 140+970 da rodovia D. Pedro I (SP-065), próximas à Ceasa, em Campinas.

As novas passarelas substituem outras duas que já existiam na região, mas não atendiam todas as exigências atuais de acessibilidade. Procedimento semelhante já havia sido adotado pela concessionária em outras duas travessias, nos km 67+200 e 72+360 da rodovia Eng. Constâncio Cintra (SP-360), em Jundiaí.

Desde que assumiu o Corredor Dom Pedro em abril de 2009, a Rota das Bandeiras tem desenvolvido um trabalho específico para diminuir a quantidade de atropelamentos nas rodovias do Corredor Dom Pedro. Em seis anos à frente do Corredor, além das quatro passarelas reconstruídas, outros 15 novos dispositivos foram implantados para a travessia de pedestres, em um investimento que ultrapassa R$ 18 milhões.

No primeiro semestre de 2015, a Rota das Bandeiras registrou 52,6% de redução no número de atropelamentos, comparando com o primeiro semestre de 2014. Em números absolutos, as ocorrências passaram de 38, em 2014, para 18 em 2015.

Quando analisado somente o número de vítimas fatais, a redução atingiu a marca de 50%, passando de 16, registradas no primeiro semestre de 2014, para oito verificadas neste ano. “O principal objetivo da Rota das Bandeiras é garantir a segurança dos nossos usuários. Esses dados comprovam que o trabalho que está sendo feito em todo o Corredor Dom Pedro tem representado uma grande melhoria na vida das pessoas”, analisa o diretor-presidente da Rota das Bandeiras, Júlio Perdigão.

A Rota das Bandeiras é uma empresa da Odebrecht Rodovias, que reúne os investimentos da Odebrecht TransPort em concessões rodoviárias. A Odebrecht TransPort desenvolve, implanta e opera projetos nas áreas de mobilidade urbana, portos, aeroportos e sistemas integrados de logística.